F1 – O STR12 é uma maravilha para os olhos

Se o Mercedes W08 era até agora o mais bonito poderá ter perdido esse trono para o STR12 da Toro Rosso. Uma mudança radical na pintura do carro e mudanças no chassis tornam o novo monolugar da Scuderia Toro Rosso provavelmente o mais bonito do grid e dos últimos anos.

Já não é a primeira vez que a Toro Rosso surpreende pela positiva mas qualidade aparente e a elegância do chassis começa a tornar-se um excelente hábito na equipa. Se no ano passado foi um dos melhores chassis do grid, este ano aparece com características muito interessantes que para já são animadoras.

17021745_10212175546488645_2083885586410989093_n

O nariz apresenta uma forma muito semelhante ao da Mercedes tornando logo o carro 5 vezes mais bonito que a concorrência. Os elementos da asa dianteira parecem ser semelhantes aos do ano passado. Os Sidepodes são de uma elegância de arrepiar com entradas de ar ligeiramente mais achatadas em relação ao ano passado e uma curvatura deliciosa. Os apêndices aerodinâmicos nas laterais seguem uma filosofia similar aos da Mercedes com um conjunto de elementos embora sem a elegância da solução germânica. Na traseira a barbatana não incomoda e está bem desenhada e para já foi o unico carro com o chamado “Monkey Seat” por cima do escape. A entrada de ar superior mantém o conceito do ano passado.

Não há como enganar, estamos de olhos arregalados com este STR12. O esquema de cores da Renault está muito bom, o Sauber está bonito, o Mercedes é lindo mas este STR… acreditamos que é o carro mais bonito do grid seguido do Mercedes e do Renault. Obrigado Toro Rosso!

16999016_10212175544808603_5431304704437577295_n

Os pilotos são os mesmos que terminaram a época. Carlos Sainz é uma das grandes promessas da F1 e já provou que tem muita qualidade. Foi falado para ingressar na Renault mas a Red Bull não achou piada à ideia e manteve o espanhol na equipa B. Para nós já é um valor seguro e tem capacidade para brilhar em equipas de topo. Já Kvyat vem da sua pior época, depois de ter sido despromovido à Toro Rosso para dar lugar a Verstappen. O russo viveu um turbilhão de emoções e viu a sua carreira por um fio mas aos poucos foi-se recompondo e voltanto a um nível decente. Virá agora com a mente limpa e motivado para provar que tem qualidade. Terá de o provar mesmo pois acreditamos que a Red Bull não o dispensou por ser um golpe demasiado baixo para o russo, mas há talentos a precisarem de vagas na F1 e o russo está a ocupar uma vaga. Tem mesmo de provar que é bom para que possa ser solução para outras equipas, pois o futuro da estrutura da Red Bull não deverá ser muito longo.

A Toro Rosso é uma equipa interessante, com pessoas de muita qualidade e que são capazes de produzir um bom carro. No ano passado usaram um motor da época anterior e a segunda metade da temporada foi difícil… uma pena pois o chassis merecia outro motor. Este ano com motores Renault de última geração, a STR quer voltar a incomodar as equipas de topo e tentar melhorar a classificação final. Será que conseguirá? Se mantiverem o bom trabalho do ano passado acreditamos que sim.

 

Fábio Mendes

Anúncios

Um pensamento sobre “F1 – O STR12 é uma maravilha para os olhos

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.