CPR – Ricardo Moura ganha o Rali dos Açores

Neste 53º Azores Airlines Rallye havia várias provas em disputa além do ERC. Por isso o vencedor deste rali a contar para o Campeonato de Portugal de Ralis e para o Campeonato de Ralis dos Açores foi o piloto açoriano Ricardo Moura.

O piloto estreou a sua nova máquina neste rali, o Skoda Fabia R5 e mesmo assim conseguiu ter sempre um ritmo forte e constante, que o permitiu chegar à vitória final, mesmo não tendo muito tempo de testes com este seu novo carro. Como se sabe Ricardo Moura conhece bem todos estes troços e isso é sempre uma grande vantagem.

O piloto consegue assim a sua segunda vitória no CPR deste ano, depois de ter ganho o Rali Serras de Fafe, ainda com o Fiesta R5 e lidera assim o campeonato bem destacado. Mas ao que tudo indica, o piloto açoriano não irá participar mais no Campeonato de Portugal de Ralis e se isso acontecer, irá perder a liderança do campeonato em breve.

No 2º lugar ficou Bruno Magalhães em Skoda Fabia R5 que pontuou também para o ERC, esse é o seu objetivo para a temporada de 2018 e não o nacional de ralis. Magalhães não teve um bom rali, teve alguns problemas de setup e na escolha de pneus, o que dificultou o andamento e por isso ficou a 9,3 segundos do primeiro lugar.

No 3º lugar deste Azores Airlines Rallye a contar para o nacional de ralis, ficou o piloto Ricardo Teodósio em Skoda Fabia R5, que amealha assim bons pontos para a luta no CPR.

Como José Pedro Fontes participou apenas para ganhar ritmo competitivo, o campeão de ralis de 2017 Carlos Vieira em Hyundai i20 R5, sobe para o 4º lugar e consegue assim atenuar um pouco a perda de pontos para os rivais. Vieira não teve um bom rali, com alguns problemas nos troços, uma penalização no último dia de prova e um toque que podia ter posto fim à prova.

Destaque ainda para Bernardo Sousa, que depois de dois anos parado sem competir, mostrou que quem sabe nunca esquece. Agarrou a oportunidade de conduzir o Citroen C3 R5 da equipa açoreana Play Auto Açoreana Racing e estava a realizar um bom rali com um andamento muito forte, até que um pião numa curva, na última manhã do rali, danificou o radiador do Citroen e o piloto foi obrigado a desistir.

Sousa que teve pouco tempo de testes com o novo carro, mesmo assim seguia com um ritmo elevado, a fazer um bom rali e na 3º posição. Como se sabe Bernardo Sousa está apenas inscrito no Campeonato de Ralis dos Açores e não no CPR. É uma pena estar limitado a isso pois o piloto tem muito para dar a todos os fãs dos ralis e com toda a certeza fazia um brilharete no nacional de ralis.

8D59CE63-5EA5-41D2-8593-B6F02CFF8382

Foto: FIA ERC

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.