TCR Italy – José Rodrigues no pódio em Paul Ricard

Na segunda etapa do TCR Italy – Campeonato Italiano de Turismo -, José Rodrigues conseguiu na segunda corrida do programa subir ao pódio, classificando-se no terceiro lugar, sendo de novo o melhor Honda.

As perspetivas do piloto de Braga para esta segunda visita à pista, onde nunca correu, eram boas, já que arrancava no terceiro posto da grelha, depois de na primeira corrida desta única corrida em França da competição italiana ter sido o sexto, conseguindo um leque de resultados positivos para o campeonato. Depois de uma qualificação onde foi o quinto mais rápido, mesmo sendo prejudicado pela entrada do Safety-Car, José Rodrigues foi o sexto na primeira corrida, apenas a décimas de segundo do quarto lugar:

“Arranquei tarde porque o carro ficou preso não percebi bem porquê, talvez porque aqueci muito a embraiagem. Consegui, no entanto, manter o lugar e andei nas primeiras voltas com o grupo da frente, mas logo a seguir comecei a ser atacado por um colega de equipa que estava muito agressivo. Tive que defender, mas perdi o contato com o grupo da frente. Ainda troquei algumas vezes de posição com esse colega, mas não quis arriscar nada. Já estava longe do pódio e este lugar dá o terceiro da grelha para a segunda corrida”, explicou o piloto do Sport Lisboa e Benfica, acrescentando: “Ainda entrou o Safety-Car, agrupamos novamente, mas voltei a não querer arriscar, porque era muito importante acabar. No entanto, foi uma corrida ingrata, porque dava para mais, mas podia estragar a posição para a segunda prova”.

Na segunda prova a expetativa era grande, pois o piloto da capital do Minho podia ter lutado pela vitória, mas a chuva fez-se notar com grande intensidade e praticamente não houve corrida: “Foi o pódio mais fácil da minha carreira, pois arrancamos atrás do Safety-Car em virtude das péssimas condições meteorológicas e pouco depois terminou a prova”, explicou o piloto da Target Competition, prosseguindo: “Senti-me um pouco prejudicado, pois acho que podia ter lutado pela vitória. No entanto, acho que, por questões de segurança, foi o melhor que podiam fazer com o dilúvio que caiu. Assim, ficámos apenas com metade dos pontos. Mesmo assim, não foi mau para a classificação do campeonato, mas podia ter sido bem melhor”.

Em jeito de balanço, José Rodrigues salienta ainda: “Mais uma vez mostrei o meu valor, na minha estreia neste difícil circuito. Consegui andar sempre no lote da frente onde uma grande parte do pelotão tinha feito testes cá de pré-época, e no fim de semana passado 4 pilotos terem feito a corrida do TCR EUROPE. Fui inteligente na primeira corrida em não ter atacado e não ter corrido riscos, sabendo da importância da inversão de grelha para a segunda corrida. E acabei por colher frutos disso”, concluiu.

A próxima etapa está marcada para os dias 16 e 17 de Junho no circuito de Misano.

Press Info

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.