CPM – Rui Ramalho ‘selou’ segundo título em Murça

Rui Ramalho garantiu o seu segundo título absoluto no Campeonato de Portugal de Montanha JC Group, ao vencer a Rampa Porca de Murça, organizada pelo CAMI Motorsport que este fim de semana nas mais famosas curvas transmontanas.

Depois de no sábado ter deixado claro quem mandava na prova do CAMI Motorsport, reforçou o seu estatuto de favorito ao ser o mais rápido, quer na terceira subida de treinos, quer na segunda de prova.

O piloto do Osella PA 2000 Evo2 realizou a melhor subida 2m06,446s e ‘selou’ assim o triunfo final com um acumulado de 4m15,483s, prescindindo de realizar a derradeira subida, contrariamente a Hélder Silva, que garantiu o segundo posto absoluto aos comandos do Juno CN09.

Mais do que isso Rui Ramalho garantiu o segundo título consecutivo no Campeonato de Portugal de Montanha JC Group, quando ainda faltam duas provas para terminar a temporada. “Um título que por isso foi mais fácil, mas que em muito fico a dever à minha equipa, a quem agradeço o trabalho realizado ao longo da época. Foram incansáveis”, agradeceu o piloto portuense, que garantiu ir cumprir as restantes provas do calendário.

O último lugar do pódio absoluto foi para José Correia, no Nissan GTR GT3 da JC Group, que não teve adversários ao nível dos GT. Depois de ter sido o quarto mais rápido na segunda subida de prova o piloto de Braga foi o terceiro mais rápido na derradeira subida, atrás de Nuno Guimarães, que no BRC CM02 acabou no terceiro posto dos protótipos e no quarto posto absoluto.

A fechar o top cinco absoluto, Joaquim Teixeira garantiu o triunfo nos Turismo e na categoria 3. O piloto do Seat Leon MKIII foi mais rápido do que Luís Nunes, que no Audi S3 LMS acabou por garantir o triunfo na categoria 4 dos Turismo, onde Manuel Correia e o Ford Fiesta R5 + foi terceiro, impondo-se na categoria 2 por mais de uma décima a Luís Silva, aos comando do Citroën DS3 R5.

Daniel Teixeira, no Volkswagen Golf Gti foi segundo dos Turismo 2, e Pedro Marques, no Seat Leon, foi segundo nos Turismo 4, enquanto Gabriela Correia ficou fora do top dez no Seat Leon MKIII mas fechou o pódio dos Turismo 3. Nos Turismo 1 Pedro Coelho Saraiva acabou por fazer valer a tração integral do seu Mitsubishi Lancer Evo IX para se impor diante de Parcídio Summavielle. Já na categoria até 1300 cc o melhor foi Leonel Brás aos comandos de um Citroën AX.

Já no Campeonato de Portugal de Clássicos de Montanha JC Group, Luís Delgado fez-se valer do Ford Sierra Cosworth para chamar a si o triunfo, impondo-se nas duas últimas subidas de prova, deixando a discussão do segundo lugar para os ‘habituées’ do campeonato, sendo que desta feita José Pedro Gomes se desforrou do Caramulo e bateu Flávio Sainhas por mais de um segundo.

Press Info

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.